Urologia

Urologia é a especialidade médica responsável por cuidar do sistema reprodutor masculino (testículos, epidídimos, ducto deferente, vesículas seminais, próstata e pênis) e do trato urinário, tanto dos homens quanto de mulheres e crianças.

 

O especialista atua na prevenção de doenças, no diagnóstico e no tratamento de problemas no trato urinário, o que envolve áreas como bexiga, rins, uretra e ureteres.

 

Quando procurar um urologista?

 

É recomendado que a consulta com o urologista seja feita anualmente, principalmente entre homens acima dos 45 anos. Esta é a melhor forma de prevenir o desenvolvimento de câncer de próstata e outras doenças.

 

Além disso, em qualquer idade, tanto para homens quanto mulheres, é importante procurar o profissional caso apresente sinais ou sintomas relacionados ao sistema urinário. Entre eles:

 

  • Dificuldade ou dor para urinar;
  • Dor nos rins;
  • Alterações no pênis;
  • Mudanças nos testículos;
  • Aumento na produção de urina;
  • Diminuição no fluxo urinário;
  • Dor abdominal;
  • Dor no pênis ou testículos;
  • Incontinência urinária;
  • Presença de sangue na urina.

 

Doenças tratadas pela urologia

 

Em relação ao sistema urinário de homens, mulheres e crianças, a especialidade é responsável por diagnosticar e tratar caso de infecções e inflamações no trato urinário, cálculos renais, cânceres e incontinência urinária.

 

Já no caso do sistema reprodutor masculino, o urologista diagnostica e trata doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), fimose, ejaculação precoce, impotência sexual, curvatura peniana, infertilidade e tumores.

 

Como é feito o diagnóstico de doenças?

 

Como trata diversas enfermidades, o urologista pode utilizar, além do exame clínico, diversos outros recursos para realizar um diagnóstico mais preciso. Os mais comuns são hemograma; exames de imagem como ressonância e tomografia; espermograma, biópsia vesical, fluxometria, uretrocistoscopia e exame de toque retal.

 

Cabe ao especialista avaliar cada caso e decidir quais realmente são necessários para chegar ao diagnóstico conclusivo.